INÍCIO QUEM SOMOS ÁREA DE ATUAÇÃO ESTRUTURA NOTÍCIAS ARTIGOS CONTATO
 
 
BRASÍLIA:Câmara tem 170 servidores que ganham acima do teto de R$ 26 mil
01.08.2012

 A Câmara tem 3.400 servidores do quadro efetivo, os que entraram por concurso público, e 1.310 contratados em cargos de natureza especial, os chamados CNEs, sem concurso, todos de confiança. Existem ainda outros 11.100 secretários parlamentares, os funcionários contratados pelos deputados por meio da verba de gabinete. A Câmara paga ainda pensões a 2.700 servidores inativos e para cerca de 800 deputados aposentados e pensionistas.

Na lista divulgada pelo Senado, constam três servidores com salários líquidos que ultrapassam o atual teto. O número pode ser bem maior, um vez que não está contabilizado, por exemplo, pensões e aposentadorias acumuladas. O campeão é um técnico legislativo que está na Casa desde 1976 e vai receber em salários referentes a julho R$ 32.872,87, líquidos. Em segundo lugar, um consultor legislativo ganhará R$ 27.116,84 neste este mês. O terceiro é um analista legislativo que, por 25 centavos de real, extrapolou o teto.

A listagem mostra que cerca de 650 servidores do Senado recebem em valores líquidos mais de R$ 20 mil. A visualização de quanto efetivamente ganha um servidor ou funcionário comissionado do Senado é dificultada pelo fato de que o salário é fatiado em 16 tipos de recursos, como remuneração básica e várias vantagens e descontos obrigatórios.

Na segunda-feira, 30, o Sindilegis, o sindicato dos servidores do Legislativo, conseguiu uma liminar barrando a publicação das tabelas com a identificação nominal dos funcionários. A Câmara transferiu para a Advocacia Geral da União (AGU) a decisão de recorrer ou não da determinação judicial. A assessoria do presidente da Casa, Marco Maia, informou que cabe à Casa apenas comunicar a AGU da liminar.

Fonte:Portal Estadão
WEBMAIL
Login
Senha
 
ADMINISTRATIVO
Login
Senha
 
 
CopyRight © 2010 - Eduardo Granzotto - TWNet