INÍCIO QUEM SOMOS ÁREA DE ATUAÇÃO ESTRUTURA NOTÍCIAS ARTIGOS CONTATO
 
 
Justiça proíbe DEM de citar mensalão em propaganda eleitoral em Salvador
02.10.2012

Os programas da coligação liderada pelo DEM em Salvador, que tem como candidato à prefeitura ACM Neto, estão proibidos de mencionar ou fazer referência ao julgamento do mensalão, em curso no Supremo Tribunal Federal. 

A decisão, tomada no fim de semana pelo juiz Eduardo Afonso Maia Caricchio, da 12.ª Zona Eleitoral, acolheu pedido da campanha de Nelson Pelegrino (PT) e concedeu direito de resposta de 6 minutos à coligação petista. 

Desde que Pelegrino passou a usar o vídeo de ACM Neto prometendo "dar uma surra" no então presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o DEM começou a citar o mensalão, encerrando seus programas com uma homenagem ao ministro do STF Joaquim Barbosa, relator do processo. 

Fonte: Portal

WEBMAIL
Login
Senha
 
ADMINISTRATIVO
Login
Senha
 
 
CopyRight © 2010 - Eduardo Granzotto - TWNet