INÍCIO QUEM SOMOS ÁREA DE ATUAÇÃO ESTRUTURA NOTÍCIAS ARTIGOS CONTATO
 
 
Após terremoto, Japão enfrenta recessão
19.05.2011

A economia do Japão, a terceira maior do mundo, sofreu forte contração no primeiro trimestre de 2011, enquanto o país ainda se recupera do terremoto, seguido de tsunami, em março. Foi o segundo trimestre consecutivo de retração econômica. O país está, assim, oficialmente em recessão.

O Produto Interno Bruto (PIB) do país encolheu 0,9% nos três primeiros meses do ano, informou o governo na noite dessa quarta-feira (quinta-feira no horário local). A taxa anualizada de contração foi de 3,7%, maior que o previsto por especialistas.

O Banco Central do Japão começa hoje (19) uma série de reuniões para discutir a política monetária do país em meio à crise. Após o terremoto, o banco injetou bilhões de dólares no sistema financeiro, na tentativa de revitalizar a economia.

Analistas econômicos informaram que o consumo e as exportações japoneses foram os mais afetados pelo declínio econômico. Pesquisas apontam queda nas vendas e pessimismo por parte dos consumidores. Ao mesmo tempo, o país sofreu com o aumento nos preços das importações de commodities, cujos custos aumentaram no mercado internacional.

“A expectativa é que a economia permaneça fraca por enquanto”, disse o ministro da Economia do país, Kaoru Yosano. De acordo com ele, a economia japonesa “tem força para se recuperar”. Para analistas econômicos, no entanto, essa recuperação só deve ocorrer no fim do ano.

Yosano disse que os esforços pela reconstrução do Nordeste do país – área que sofreu os principais prejuízos não só pelo terremoto seguido por tsunami como também pelos acidentes nucleares - devem fomentar o crescimento.

Fonte: Agência Brasil

WEBMAIL
Login
Senha
 
ADMINISTRATIVO
Login
Senha
 
 
CopyRight © 2010 - Eduardo Granzotto - TWNet